Instruções para apresentação de trabalhos científicos

 

 

Prezados colegas,

 

A Comissão Organizadora do II Simpósio Latino-americano de Biociências, a ser realizado entre os dias 30 de Setembro a 04 de Outubro de 2019 em Foz do Iguaçu, Paraná, convida os pesquisadores para apresentar os seus trabalhos científicos durante o curso.

 

Os trabalhos deverão ter sido conduzidos com metodologia compatível e deve apresentar resultados. As contribuições devem ser submetidas em formato de resumo para a avaliação da Comissão Científica do I Curso em Biociências. Se aprovado, o trabalho poderá ser apresentado pelo autor principal em forma de pôster e oralmente, nas sessões correspondentes. Todos os trabalhos aprovados constarão nos anais do evento.

 

 

1. Objetivo

Promover a divulgação, a discussão e o avanço do conhecimento científico produzido pela comunidade. 

 

2. Condições para a submissão dos trabalhos

a. O autor principal do trabalho deverá estar com a inscrição confirmada no curso;

b. O trabalho deverá ser apresentado pelo autor principal em data e horários a serem informados;

c. Cada autor poderá submeter no máximo 1 (um) trabalhos por inscrição.

 

3. Formato da submissão

Os trabalhos científicos deverão ser submetidos na forma de resumo estruturado, em língua portuguesa ou espanhola, em formato PDF, contendo título (até 20 palavras), autores, afiliação, Introdução/Material e Métodos/Resultados e Conclusões (mínimo 250 e máximo 400 palavras, parágrafo único com margens justificadas a 2,5 cm em formato A4, fonte Times New Roman, tamanho 12, espaçamento 1,5 cm com nomes científicos em itálico. Não deverão constar no texto tabelas, gráficos, citações ou referências bibliográficas e deverá ser enviado como arquivo .doc), Palavras-chave (três palavras – chave separadas por ;) e Agência financiadora (opcional) (modelo em anexo ao final da página).

 

4. Submissão eletrônica

No ato de submissão do trabalho o autor indicará a área que servirá de informação para que a comissão científica encaminhe o trabalho aos pareceristas e organize as sessões:

a. Fisiopatologia da dor e dos distúrbios do sistema nervoso central: Esta linha de pesquisa reúne projetos que investigam a fisiopatologia de enfermidades do sistema nervoso central (SNC), mais especificamente a dor crônica e distúrbios tais como Doença de Parkinson, epilepsia, transtornos de aprendizagem e memória, depressão e ansiedade. Destaca-se que os projetos incluídos nesta linha de pesquisa utilizam substâncias sintéticas ou naturais (derivadas de plantas medicinais) para pesquisar alternativas terapêuticas às patologias citadas. Além disso, esta linha de pesquisa busca encontrar correlações entre a dor crônica e esses distúrbios do SNC.

b. Práticas em saúde baseada em evidências: Linha de pesquisa que objetiva identificar determinantes da saúde e avaliar a eficácia e a efetividade de Tecnologias da Saúde, sejam elas médicas, biomédicas ou de atenção à saúde humana. São desenvolvidas pesquisas observacionais, experimentais ou revisões sistemáticas.

c. Prospecção de compostos biologicamente ativos: Esta linha de pesquisa reúne projetos que buscam substâncias que possam ter algum interesse biológico voltado à saúde. Projetos envolvendo a biotoxinologia, a toxicologia geral e processos bioquímicos alterados por substâncias bioativas ou em doenças crônicas, como doenças vasculares ou proliferativas, são o tema central desta linha de pesquisa.

d. Biotecnologia molecular e celular de procariotos e eucariotos: Esta linha reúne projetos que investigam potenciais biotecnológicos de organismos, tais como fungos e bactérias, com o objetivo de desenvolver produtos ou serviços que possam promover, por exemplo, a biorremediação de ambientes impactados por poluição, produção de surfactantes ou antimicrobianos para a aplicação humana.

e. Genética, mutações e terapias gênicas: Esta linha de pesquisa reúne projetos desenvolvidos por pesquisadores com uma formação básica em genética, mas interessados em distintos desdobramentos dessa ciência. Seus projetos envolvem desde genotoxicidade ambiental, biodiversidade genética, bem como estudos de genética humana, como mutações gênicas e cromossomais em humanos e terapia gênica e células-tronco mesenquimais.

f. Mecanismos de fisiologia e do desenvolvimento: Esta linha de pesquisa reúne projetos que investigam temas inerentes à Fisiologia Geral, Fisiologia do Metabolismo e da Biologia do Desenvolvimento. Temas como o metabolismo de biomoléculas, tais como lipídeos, proteínas, bioenergética e imunometabolismo, e efeitos de moléculas e compostos bioativos sobre o desenvolvimento embrionário estão entre os interesses centrais nesta linha de investigação.

5. Avaliação dos trabalhos

Os trabalhos serão encaminhados a pareceristas que avaliarão o conteúdo e mérito acadêmico considerando os seguintes critérios:

a. Pertinência/importância do trabalho em relação a sua subárea de conhecimento;

b. clareza e objetividade na comunicação;

c. obediência às normas de forma;

d. resultados concretos e conclusões.

Os trabalhos devem apresentar de modo explícito seus resultados e conclusões (mesmo que preliminares). O parecerista poderá, a seu critério, indicar outra área para avaliação.

6. Programação científica

Os trabalhos aprovados pelos pareceristas serão incluídos na programação científica do congresso e farão parte da sessão de pôsteres e apresentação oral. 

6.1 Apresentação Oral

As apresentações de trabalhos científicos de forma oral ocorrerão durante a sessão de pôsteres. A ordem e horário das apresentações dos trabalhos, determinada pela Comissão Organizadora, deverá ser mantida, não sendo possível a troca de horários. O tempo máximo de apresentação de cada trabalho é de 15 minutos, seguidos de 5 minutos para perguntas.

6.2 Apresentação de Pôster

As apresentações de trabalho científico em formato de pôster ocorrerão no formato de Sessão de Pôsteres. 

6.2.1 Formato da sessão de pôster

A sessão de pôsteres consiste na exposição do painel pelo apresentador de forma presencial. Os painéis poderão ser fixados nos suportes na manhã do dia em que ocorrerá a apresentação do pôster.

6.2.2 Dimensões do pôster

O painel físico de papel ou lona deverá ter as dimensões máximas de 80 cm por 120 cm em orientação retrato. O painel deverá ser confeccionado e impresso pelo apresentador (modelo em anexo ao final da página).

7. Avaliação da Comissão Científica

O primeiros 3 trabalhos mais pontuados nas apresentações de pôsteres e orais serão selecionados para um apresentação oral em forma de palestra de 10 a 20 min no dia 04/10/19 em horário a ser definido. A comissão científica avaliará as 3 apresentações e selecionará o primeiro colocado que receberá a premiação.

8. Anais

Os trabalhos científicos aprovados pela Comissão Científica farão parte do Anais do I Curso em Biociências que será confeccionado em formato digital (.pdf) e disponibilizado no sítio eletrônico do curso.

9. Cronograma

Submissão dos trabalhos em forma de resumo: Até 15/09/2019

10. Disposições Finais

Não há limite para o número máximo de autores. A certificação se dará por trabalho e constará o título e o nome dos autores. Somente receberão certificados os trabalhos apresentados no congresso.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now